Economia: setor de serviços do Brasil cresce 2,6% em novembro, diz IBGE

quarta-feira, janeiro 13, 2021



O setor de serviços brasileiro registrou o sexto mês seguido de ganhos no volume em novembro, mas caminhou para o final de 2020 ainda sem conseguir retornar aos níveis pré-pandemia, depois de ter sido o mais afetado pelas medidas de isolamento contra o coronavírus. O volume de serviços cresceu em novembro 2,6% em relação ao mês anterior, de acordo com os dados divulgados nesta quarta-feira pelo
Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística
-
IBGE
.

Apesar do sexto mês consecutivo de ganhos, acumulando alta de 19,2%, o setor de serviços brasileiros se aproximou do fim de 2020 ainda sem conseguir recuperar as perdas de 19,6% registradas entre fevereiro e maio, período que abrange o pico da pandemia. Na comparação com novembro de 2019, houve queda de 4,8% no volume de serviços no Brasil, e o setor acumula ainda entre janeiro e novembro perdas de 8,3% frente a igual período de 2019. Os resultados, entretanto, foram melhores do que as expectativas em pesquisa da Reuters, de alta de 1,2% na comparação mensal e de recuo de 6,2% na base anual.

Voce pode ler também

0 comentários

Publicidade - Themoneytizer

Denakop

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ