Banco do Nordeste investe R$ 2,3 bilhões no Agroamigo em 2020

segunda-feira, novembro 09, 2020



O Banco do Nordeste investiu, em 2020, no Agroamigo, programa de microfinança rural que oferece a produtores rurais crédito produtivo e orientado, o total de R$ 2,3 bilhões. O valor corresponde a 462,8 mil operações que beneficiaram toda a área de atuação do BNB, os nove estados da Região e o norte de Minas Gerais e do Espírito Santo.

Apesar da crise sanitária que atingiu todos os setores e segmentos da economia, o número global de operações do programa neste ano cresceu 14,71% em relação aos dez primeiros meses de 2019, quando o BNB contratou 403,4 mil operações. Considerando o mesmo período, a evolução em termos de valores foi de 16,57%, já que as contratações no ano passado alcançaram R$ 2 bilhões.

No Ceará, os investimentos do Agroamigo este ano superaram R$ 284 milhões, equivalentes a 56,6 mil operações. Se comparado a igual período do ano passado, quando foram contratados R$ 257,2 milhões para o total de 50,6 mil operações, o incremento é de 12,60% em relação aos valores e de 11,83%, em termos de operações.

José Lino de Abreu Rodrigues, por exemplo, é um dos produtores rurais cearenses beneficiados pelo Agroamigo. No Sítio Pilões, localizado na comunidade Antônio Marques, no município de Maranguape, Rodrigues trabalha com fruticultura, produzindo especialmente bananas. Realizou seu primeiro financiamento em 2007, e mantém até hoje sua parceria com o BNB, por meio do programa. Já utilizou linhas de crédito como o Agroamigo Crescer e o Agroamigo Sol.

Beneficiários

O Agroamigo objetiva melhorar o perfil socioeconômico dos produtores rurais, levando crédito orientado aos agricultores familiares. Desde sua criação, em 2005, o programa já investiu, na posição de setembro de 2020, R$ 19,5 bilhões, abrangendo mais de 5,5 milhões de operações. Tem 1,3 milhão de clientes ativos e carteira ativa de R$ 4,8 bilhões.

O programa beneficia agricultores familiares enquadrados no Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), nas modalidades do Agroamigo Crescer, para agricultores enquadrados no grupo B do Pronaf, e o Agroamigo Mais, para agricultores enquadrados nos demais grupos, com exceção do A e A/C.


IMPRENSA - Banco do Nordeste

Voce pode ler também

0 comentários

Publicidade - Themoneytizer

Denakop

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ