Brasil: Dívida pública sobe a R$ 4,527 trilhões em setembro, diz Tesouro

terça-feira, outubro 27, 2020



A dívida pública federal do Brasil subiu 2,59% em setembro e alcançou os R$ 4,527 trilhões de, divulgou o Tesouro Nacional nesta terça-feira (27/10). Em agosto, o estoque estava em R$ 4,412 trilhõesNo período entre agosto e setembro, a dívida pública mobiliária interna teve avanço de 2,56%, a R$ 4,281 trilhões.

Segundo o Tesouro, o volume de emissões e as emissões líquidas registraram em setembro o segundo maior número de suas respectivas séries históricas, atrás apenas dos valores vistos em julho de 2020. No acumulado do ano, já foram emitidos R$ 798,3 bilhões, valor superior aos R$ 759,3 bilhões colocados em todo o ano de 2019.

Estrangeiros

Após crescimento em agosto, a participação dos investidores estrangeiros no total da Dívida Pública voltou a subir, ligeiramente, em setembro. De acordo com dados divulgados pelo Tesouro Nacional, a parcela dos investidores não residentes no Brasil no estoque da DPMFi passou de 9,40% em agosto para 9,44% no mês passado. No fim de 2019, a fatia estava em 10,43%.


Voce pode ler também

0 comentários

Publicidade - Themoneytizer

Denakop

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ