Mundo: Boris Johnson garante que vai abrigar até 3 milhões de cidadãos de Hong Kong, que estão sob ameaça da China

quarta-feira, junho 03, 2020

O primeiro-ministro inglês, Boris Johnson, prometeu que o Reino Unido (United Kingdom) abrigará até 3 milhões de pessoas provenientes de Hong Kong, se a antiga colônia britânica tiver a sua autonomia ferida pela China. Pequim quer impor a Hong Kong uma lei de segurança que diminui as liberdades civis e econômicas da cidade e ameaça a sua posição de centro financeiro. O anúncio da medida suscitou protestos diários em Hong Kong.
 350 mil cidadãos com passaporte britânico na ex-colônia e outros 2,5 milhões elegíveis para entrar no Reino Unido (United Kingdom) e, depois de um ano, obter a cidadania britânica. Boris Johnson fez a promessa na sua coluna no jornal The New York Times. "Se a China confirmar o medo de muitas pessoas de ter o seu modo de vida ameaçado, o Reino Unido (United Kingdom) não poderá dar de ombros; ao contrário, nós honraremos nossa obrigação e providenciaremos uma alternativa", escreveu Johnson.

Voce pode ler também

0 comentários

Publicidade - Themoneytizer

Denakop Tag

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ