COVID-19: Empresa americana testa droga que impede desenvolvimento de sintomas graves do vírus chinês

sábado, junho 20, 2020




A empresa Ridgeback Biotherapeutics vai testar em humanos um novo medicamento para o tratamento de pacientes com COVID-19. Chamado de EIDD-2801, a droga tem como foco pacientes com resultado positivo para a doença mas que ainda não necessitam de hospitalização. Segundo a Ridgeback Biotherapeutics, o medicamento seria usado para impedir que sintomas mais graves se desenvolvam.

Wayne Holman, co-fundador da empresa americana, disse ao Financial Times que, se a droga puder "eliminar o vírus mais rapidamente que o placebo", poderá ser capaz de "interromper a doença nos estágios iniciais" e "potencialmente reduzir a duração do período infeccioso dos pacientes", além de "mudar o ritmo da pandemia". O estudo será feito com cerca de 100 participantes e conduzido por pesquisadores das universidades de North Carolina e Baltimore.

Voce pode ler também

0 comentários

Publicidade - Themoneytizer

Denakop

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ