CNJ autoriza volta das atividades presenciais a partir de 15 de junho

sábado, junho 06, 2020




A resolução, assinada pelo presidente do Supremo Tribunal Federal - STF e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministro Dias Toffoli, argumenta que, como alguns estados estão relaxando as regras de isolamento contra a COVID-19, é preciso começar a estabelecer um planejamento de retorno gradual às atividades presenciais, onde seja possível e de acordo com critérios estabelecidos por autoridades médicas e s...



Ver mais

Voce pode ler também

0 comentários

Publicidade - Themoneytizer

Denakop

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ