Esposa de Witzel recebeu dinheiro de empresário preso por corrupção, diz MPF

terça-feira, maio 26, 2020

Escritório da primeira-dama também é alvo de operação no Rio ...



De acordo com o Ministério Público Federal - MPF, o escritório da primeira-dama do Estado do Rio de Janeiro Helena Witzel tinha um contrato de prestação de serviços de honorários advocatícios com a empresa DPAD Serviços Diagnósticos. A companhia integra um consórcio que detém contratos ativos de saúde com o governo Witzel e prefeituras do estado.


Segundo o Ministério Público Federal - MPF, o escritório de advocacia de Helena Witzel, mulher de Wilson Witzel, recebeu dinheiro de uma das empresas de Mário Peixoto, informa Fabio Leite na Crusoé. O empresário, que foi preso no dia 14 de maio de 2020, é acusado de fraudar contratos milionários com o Governo do Estado do Rio de Janeiro.


Documentos apreendidos pela Operação Favorito, deflagrada pelo Ministério Público Federal - MPF do Rio em 14 de maio e que resultou na prisão de Peixoto, revelam “transferências de recursos” entre a empresa do grupo de Peixoto e o escritório de advocacia de Helena Witzel.


Leia mais aqui.

Voce pode ler também

0 comentários

Publicidade - Themoneytizer

Denakop Tag

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ