Senado age contra os aluguéis, mas protege os bancos

domingo, abril 05, 2020



A Justiça e o Congresso Nacional Brasileiro atuam fortemente, por meio de liminares e projetos aprovados às pressas, para que locatários suspendam o pagamento de aluguéis de residências ou comércio por até sete meses. Magistrados e parlamentares nem sequer levam em conta os brasileiros que têm no aluguel de um imóvel a única renda. Enquanto Executivo e Judiciário se mostram valentes contra quem vive de aluguel, nem sequer cogitam medida idêntica contra o financiamento imobiliário dos bancos.

Magistrados e políticos não levam em consideração que despesa de aluguel de uma pessoa, muitas vezes é a única fonte de renda da outra. Projeto no Senado prevê que apenas em novembro os aluguéis voltem a ser pagos, com acréscimo de 20% dos valores que não foram pagos. Projeto no Senado Federal prevê que apenas em novembro os aluguéis voltem a ser pagos, com acréscimo de 20% dos valores que não foram pagos.


Voce pode ler também

0 comentários

Publicidade - Themoneytizer

Denakop

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ