Reforma administrativa prevê fim da estabilidade de servidor

quinta-feira, setembro 05, 2019




Em fase de ajustes finais no Ministério da Economia, a reforma administrativa que será apresentada pelo governo Jair Messias Bolsonaro deve prever o fim da estabilidade para a maioria dos servidores públicos, uma drástica redução no número de carreiras, salários mais alinhados com o setor privado, rigorosa avaliação de desempenho e travas para as promoções.

Voce pode ler também

0 comentários